quinta-feira, 10 de maio de 2007

COIMBRA-QUEIMA DAS FITAS


Dou-vos a conhecer a "CRÓNICADEHOJE",do DIÁRIO AS BEIRAS,assinada por Eduarda Macário.

Não é um grito alarmista,mas exige a nossa reflexão!

5 comentários:

moitacarrasco disse...

“Linguagem suja, que provavelmente não usam em casa junto aos pais”?

Isso é o que cuida a Eduarda... Muitos deles expressam-se da mesma maneira que, lá em casa, o pai – o pai e a mãe, quantas e quantas vezes – se exprime...


Depois...

Então e eu não me lembro dos tempos (anos 60...) em que vi, em Coimbra também, por acaso, nas comemorações da “tomada da pastilha”, por exemplo, arrancar espelhos retrovisores dos carros?
Bem de noite e às escondidas da polícia! Claro... Ora não!

Nem nesse tempo eu entendia esses “escapes”... quanto mais hoje!...

É de todos os tempos!

E parece que quanto mais avançamos em matéria civilizacional... Mais aumenta a barbárie.

Nesse tempo, o medo e o longo braço da repressão (do BB, claro) tinham como consequência essa revolta irracionalmente animalesca...
Mas hoje?!...
mc

Tozé Franco disse...

Aqui está um testo que eu assino por abaixo.
Não sei com alguém se pode diverti quando bebe até cair para o lado.
Um abraço.

aminhapele disse...

Tózé:tenho fotografias de Coimbra para a troca.Mande-me o seu mail.
Um abraço.

aminhapele disse...

Esta postagem,com a opinião de Eduarda Macário,teve bastantes comentários.
Na sua maioria,apreciando o texto e contando experiências de anos anteriores.
Os autores não quiseram assumir os comentários.Fizeram-no por mail.
Mas a reflexão tem sido feita.

jpg - o sineiro disse...

Oque mais me espanta é que essa garotada de cueiros ainda agarrados ande metida na "Queima-das.Fitas" que, ao que sabia(?), é uma festa de universidades!

Como é que a malta universitária não lhes "chega a roupa ao pelo" e os manda para casa beber o leitinho?

um abraço badalado