quarta-feira, 30 de julho de 2008

AS MULHERES FEIAS

Todo mundo está caindo na pele delas por causa da Lei Seca. Como se o álcool fosse o único responsável pelo interesse que despertam nos homens. Como se eles tivessem o corpo perfeito e fechado contra inseguranças, contra babaquices, contra depressões, contra burrice. Como se as mulheres bonitas fossem perfeitas de corpo e alma, jamais errassem uma palavra, um comportamento, um passo na dança da vida. Como se soubessem de cor a obra de Freud e Jung, pois assim poderiam ajudar os meninos que sonham com elas. E, principalmente, como se estivessem imunes aos milhões de eventos que podem causar a queda da beleza – como a coisa ficar feia algum tempo depois do casamento - e a beleza fugir para outros olhos, outros corpos, outros parâmetros. E o que é uma mulher feia? A baixinha gorda? A dentuça? A magricela? Toda mulher nasce linda pelo simples fato de nascer mulher. Por vir completa a esse mundo tão masculino e dar sentido a ele. Fica feia se não sorri, com a boca, com os olhos, com o coração. Fica feia se envelhecer revoltada com a idade. Se ficar com ciúme da própria sombra. Se não amar a vida, pois ela tem o dom de criar novas vidas. Não quero ficar aqui repetindo o que os artistas dizem sobre elas desde que o mundo é mundo. Venho apenas deixar-lhes um pequeno carinho, um humilde apoio, pois aprendi que a beleza física não importa e todas elas sabem disso, mesmo que cultivem essa teoria masculina só pra poder tomar seu licor, sozinha sob a luz do abajur, enquanto o seu querido companheiro fala um monte de besteiras no botequim da esquina.

1 comentário:

Menina_marota disse...

"...Toda mulher nasce linda pelo simples fato de nascer mulher. Por vir completa a esse mundo tão masculino e dar sentido a ele. Fica feia se não sorri, com a boca, com os olhos, com o coração. Fica feia se envelhecer revoltada com a idade. Se ficar com ciúme da própria sombra. Se não amar a vida, pois ela tem o dom de criar novas vidas."



Tens toda a razão!!! A beleza tanto pode estar num sorriso que se oferece, numa palavra carinhosa que se diz, no tom da voz que se faz ouvir.

Também penso assim. Há pessoas que são de facto tão belas de alma, que o aspecto físico nem conta nada! Conheço algumas assim... não só em mulheres como nos homens... a beleza do interior é o que fica. Os anos passam, o corpo envelhece, mas essas pessoas continuam belas, de sorriso nos lábios e olhos brilhantes...

Adorei o teu texto! Grata por o partilhares.

Um abraço carinhoso ;)