sábado, 12 de julho de 2008

CARLOS QUEIRÓS


Após 20 anos,ei-lo de regresso à selecção nacional de futebol.
Devemos-lhe,a ele e à sua equipa,toda uma revolução nas estruturas federativas de futebol,que lhes permitiu mostrar ao país a "geração de ouro":Rui Costa,Figo,Fernando Couto,Baía,João Pinto,etc.etc.
A engrenagem federativa acabou por esmagá-lo,ciosa do seu pequeninho "poder".
Queirós é um nome consensual para seleccionador.
Não será o tempo certo do regresso,porque a engrenagem que o triturou é a mesma.
Todos queremos que tenha êxito!

3 comentários:

aminhapele disse...

CORRIGINDO:
Após 15 anos...

agua disse...

Gosto de o ver por cá.
Não me cheira que vá ter sorte...
Aturar o Madaíl?!
E os "perna de pau" que vai ter de pôr a andar?!
Vai só servir de bandeira,para a reeleição do Madaíl.

Anónimo disse...

Creio que o comentário anterior acerta na mouche: acaba, apenas, por servir de bandeira para a reeleição - que os sensatos não desejam - do actual patrão da FPF.
mc