sábado, 4 de outubro de 2008

ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA



Na esquina da minha rua,há muitos anos que trabalha um cego,com a sua viola...
Tem-se mostrado indignado com a "burrice" dos cegos americanos.
Diz ele que um cego não é,obrigatoriamente,burro!
A sua canção com mais êxito,tem um refrão de alto nível:
"A justiça,para ser equilibrada
Tem que ser bem calibrada..."

3 comentários:

Anónimo disse...

Cheira-me a casas da câmara de Lisboa...
ms

Lilás/Beth disse...

Essa petição para proibição que a Associação dos Cegos Americanas entrou para boicotar o filme brasileiro sobre a obra do grande Saramago é, ao meu ver, de uma "estúpida cegueira".
Estou lendo o livro e vê-se claramente que o autor quis usar a cegueira como um elemento de metáfora. Ou será que os cegos americanos são mais cegos?!
abraço carioca

Anónimo disse...

Não há dúvida que cego, cego mesmo, é o outro...

mc